GLOMERULONEFRITE MEMBRANOPROLIFERATIVA PDF

Gosho Orphanet: Glomerulonefrite membranoproliferativa tipo 2 There were no infectious complications during the treatment with rituximab. Clin J Am Soc Nephrol ;4 1: Antiviral therapy is not routinely recommended in a renal transplant patient because of concerns regarding allograft rejection. Two months after the last dose of rituximab, hypertension resolved, serum creatinine improved 1. The most common HCV-related nephropathy is membranoproliferative glomerulonephritis MPGNusually in the context of cryoglobulinaemia 6,7. Its use is not recommended in patients with renal transplant. Race was significantly associated with histologic membrankproliferativa the odds of being classified as black or mulatto were approximately 2.

Author:Shakagis Goltibei
Country:Togo
Language:English (Spanish)
Genre:Photos
Published (Last):7 March 2018
Pages:19
PDF File Size:19.55 Mb
ePub File Size:9.5 Mb
ISBN:376-1-18833-135-4
Downloads:88867
Price:Free* [*Free Regsitration Required]
Uploader:Duzil



Glomerulonefrites Podemos resumir o funcionamento do rim da seguinte maneira: O sangue que chega ao rins, passa obrigatoriamente pelos glomйrulos, um conjunto de microscуpicos capilares enovelados que possuem uma membrana filtradora na sua parede. O glomйrulo й o verdadeiro filtro do organismo. O sangue chega por uma arterнola uma artйria microscуpica , passa por vбrios capilares dentro do glomйrulo, sofre o processo de filtraзгo e depois retorna a corrente sanguнnea.

Tudo o que foi filtrado pelos capilares vai em direзгo ao tъbulo renal. No tъbulo renal, algumas importantes substвncias filtradas como glicose, sуdio, potбssio, cбlcio entre outras, serгo reabsorvidas de acordo com as necessidades do organismo antes da urina estar pronta. Sу sai na urina o que nгo й necessбrio ou estб em excesso.

Podemos dizer que o glomйrulo separa o que vai para a urina e o que volta para o sangue, enquanto que os tъbulos definem o quanto de cada substвncia filtrada vai realmente sair na urina. Se o potбssio estiver alto, ele nгo vai reabsorver nada. Substвncias grandes, como as proteнnas, nгo sгo filtradas por serem maiores que os poros da membrana glomerular. Elas nem chegam ao tъbulo. Por isso, uma urina normal quase nгo tem proteнnas em seu conteъdo.

O processo final da filtraзгo glomerular e reabsorзгo tubular destes 1 milhгo de nйfrons й que forma a nossa urina. Portanto, como й o glomйrulo o principal responsбvel pela filtraзгo do sangue, qualquer doenзa que o acometa, afeta a funзгo dos nossos rins.

Existem 2 tipos bбsicos de lesгo dos glomйrulos: - Sнndrome nefrнtica ou glomerulonefrite. Na sнndrome nefrуtica o mais comum й lesгo na membrana glomerular sem inflamaзгo evidente. Podemos fazer a analogia com coador furado. As proteнnas que normalmente nгo sгo filtradas, quando hб lesхes na membrana do glomйrulos, "vazam" em direзгo ao tъbulos e sгo indevidamente eliminadas na urina.

Por isso, perda de proteнnas na urina, chamada de proteinъria, й um sinal de doenзa glomerular. Na verdade, a proteinъria й sinal de doenзa, mas tambйm й responsбvel pela progressгo da mesma. Os tъbulos nгo estгo preparados para receber proteнnas e, na tentativa de reabsorvк-las de volta ao sangue, suas cйlulas acabam sofrendo lesгo.

Portanto, em um primeiro momento a proteinъria nos mostra que hб algo de errado no rim. Se nгo tratada, ela passa a ser mais um fator de agressгo e evoluзгo para insuficiкncia renal. Nгo й incomum encontrarmos sнndrome nefrуtica e sнndrome nefrнtica ao mesmo tempo, basta que haja lesхes na membrana glomerular e intensa atividade inflamatуria no glomйrulo.

Qual a causa das doenзas glomerulares? As doenзas glomerulares tкm vбrias causas. Didaticamente sгo divididas em primбrias, quando nгo hб etiologia aparente, ou secundбrias, quando ocorrem devido a alguma doenзa sistкmica.

MAKAVELI THE PRINCE PDF

Gomerulonefrite membranoproliferativa

.

LIFE BUDDHA BHIKKHU NANAMOLI PDF

Tipos de glomerulonefrite: membranosa, membranoproliferativa, ecc.

.

Related Articles